Milagre? Após 7 meses em coma, bebê acorda e sorri para o pai

0
407
COMPARTILHE AGORA!!

A primeira reação do bebê ao retornar os sentidos, foi sorrir para o pai.

Conheça agora essa história linda de superação e amor que comoveu milhares de pessoas no mundo todo. Um bebê de um ano e meio, acordou de um coma, após 7 meses neste estado. O caso aconteceu na cidade de Bristol, na Inglaterra.

A alegria do pequeno Michael Labuschagne, surpreendeu o pai que recebeu de presente um lindo sorriso do filho. A angustia e a preocupação que assolavam a família neste tempo todo, foi reduzida neste sorriso mais gostoso.

A angustia da família começou em 15 de março de 2019, quando o pequeno bebê acordou sem fôlego o que o levou ao coma. Com dificuldades para respirar, Michael foi levado para o hospital, deu entrada na emergência com parada cardíaca, a equipe médica que o acompanhava, induziu o bebê ao coma. Os últimos sete meses da vida de Michael, foram no hospital em coma. Agora este pequeno deverá passar por uma cirurgia no coração.

Os médicos não acreditavam na recuperação de Michael, para eles, suas chances de sobreviver eram pequenas. Mostrando ser mais forte do que todos pensavam, Michael abriu os olhinhos e sua primeira reação, foi dar um sorriso bem gostoso para o pai, Stuart Labuschagne.

Para completar ainda mais a alegria da família, o pequeno Michael passou por exames que comprovaram que não houve danos cerebrais, que poderiam ser consequência do tempo em que ficou sem respirar e também da parada cardíaca.

Mas a luta de Michael pela vida continua, os médicos diagnosticaram o bebê com fibroma cardíaco, uma condição rara. Trata-se de um tumor anexado dentro da câmara esquerda do coração. O caso de Michael é tão raro, que nenhum médico da Inglaterra, consegue realizar uma cirurgia.

A família novamente entrou em desespero, passaram a procurar por famílias que vivenciaram este problema. Foi então que conseguiram identificar um hospital referência neste caso, em Boston, nos Estados Unidos.

Michael Labuschagne - Foto reproduo Isto

A cirurgia pela qual Michael precisa passar, custa em torno de R$ 592 mil, sem contar as despesas da viagem. Os pais do bebê fizeram uma campanha de arrecadação na internet, o caso conseguiu comover muitas pessoas, entre elas, o ex-treinador de futebol, Harry Redknapp, que ajudou na campanha. Assim a família conseguiu o valor de R$ 824 mil em doações. O dinheiro que restar dos custos da cirurgia de Michael, será doado para outras famílias que sofrem com este mesmo problema. A cirurgia de Michael está prevista para abril de 2020.

COMPARTILHE AGORA!!