Professor Morre ao ser atacado por aluno e dentro de escola

0
178
COMPARTILHE AGORA!!

Um coordenador pedagógico foi morto com um golpe de faca que perfurou o fígado por um aluno na Escola Estadual Machado de Assis, em Águas Lindas de Goiás (GO), na tarde desta sexta-feira. Bruno Pires de Oliveira, de 40 anos, chegou a ser socorrido para o Hospital Municipal Bom Jesus, mas não resistiu aos ferimentos. Segundo a Secretaria de Educação, o autor do crime conseguiu fugir em uma moto. A polícia trabalha para localizá-lo.

Por meio de nota, a pasta informou que Bruno atuava como coordenador de turno na unidade e havia avisado o estudante de que ele não poderia mais participar do projeto “Mais Educação”. Um laudo médico recomendava esse afastamento, explicando que o aluno

“apresentava problemas cardíacos e seria arriscado continuar com a prática de atividades físicas que integram o ‘Mais Educação'”.

A Polícia Civil informou que o Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Águas Lindas investiga a morte do professor Bruno. O suspeito foi identificado como um aluno do 9º ano. Professores e testemunhas já foram ouvidos na delegacia.

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Goiás (Sintego) lementou a morte do professor por meio de uma nota publicada em suas redes sociais.

“É lamentável. Mais uma morte trágica no ambiente escolar, que reitera a necessidade da proteção dos/as profissionais da Educação. É preciso agir para que vidas não mais sejam retiradas. Basta de tanta violência! A Educação pede paz!”, disse Bia de Lima, presidente do sindicato no comunicado.

O prefeito de Águas Lindas, Hildo do Candango, também se manifestou por meio de sua página no Facebook.

“Neste momento de dor, peço a Deus que conforte familiares e amigos. O professor nos deixa um legado muito importante. Ele foi um grande exemplo de educador, com caráter e responsabilidade”, afirmou.

Mensagens de luto foram deixadas por colegas, ressaltando o quanto ele era bom profssional.

“Tristeza, desalento sentimentos que nos invadem com a perda do amigo Bruno Pires de Oliveira, geógrafo, morto por um aluno hoje. Amigos são assim, levam um pedaço da gente, deixam um pedacinho de si”, escreveu uma amiga.

Outro caso

Em quatro meses, este é o segundo coordenador morto por um aluno dentro de uma escola estadual no Entorno do Distrito Federal. Em 30 de abril deste ano, segundo a polícia, um adolescente de 17 anos matou a tiros o responsável pela Escola Estadual Céu Azul, em Valparaíso de Goiás, após uma discussão. O menor foi apreendido dias depois.

COMPARTILHE AGORA!!