Vergonha? Cineasta brasileiro grita ‘Lula Livre’ em Festival de cinema,na Alemanha, mas ninguém aplaude!!

0
142
COMPARTILHE AGORA!!

No último sábado (9), o cineasta brasileiro Helvécio Marins usou o microfone do Festival de Berlim para tentar defender Lula e protagonizou um vexame internacional.

Usando uma camiseta vermelha com os dizeres “Lula Livre”, ele declarou que que “ama” Lula e disse que a prisão do ex-presidente é “uma das coisas mais absurdas do mundo”:

“Se todos aqui puderem apoiá-lo será ótimo, é uma história muito louca que eu não posso explicar aqui” disse Helvécio.

História louca? Não tem nada de louco, prezado cineasta … você deveria ter explicado para a platéia … é simples … bastava dizer que Lula roubou dinheiro público, afirma jornalista em publicação do site Diario do Brasil,

Havia centenas de pessoas no recinto, mas apenas meia dúzia de gatos ‘comunistas’ pingados aplaudiu o depoimento vergonhoso do cineasta, comentaram internautas opositores a Lula e o PT, e dizem que Lula se tornou uma vergonha mundial apos ocorrencia do fato citado neste artigo.

O diretor mineiro lembrou ainda à plateia presente que está em curso uma campanha pela indicação de Lula ao Prêmio Nobel da Paz. “Peço para que todo mundo apoie”, disse. O cineasta citou ainda, em seu discurso, a vereadora Marielle Franco, assassinada no ano passado no Rio de Janeiro. “Marielle presente!”, exclamou.


COMPARTILHE AGORA!!